Encontro realizado na manhã desta quarta-feira (19) reuniu mais de 50 pessoas de todo o Paraná, entre presidentes de Cresems, gestores e apoiadores
O Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems/PR) sediou na manhã da última quarta-feira (19) uma videoconferência para o debate das necessidades relativas à Saúde do nosso Estado. Promovida em parte de forma remota, o encontro reuniu cerca de 50 pessoas de todo o Paraná, entre presidentes dos Conselhos Regionais dos Secretários Municipais de Saúde (Cresems/PR), gestores e apoiadores. Além do presidente do Cosems/PR, Carlos Andrade, participaram presencialmente da reunião o vice-presidente Ivoliciano Leonarchik, o diretor de relações institucionais e parlamentares Jonas Welter e o titular do Conselho Fiscal Sérgio Henrique dos Santos, além da presidente do Cresems/PR da 11ª Região e também secretária municipal de Saúde de Mamborê/PR, Sara Caroline Beltrame Perez.
De acordo com presidente Carlos Andrade, a regionalização das demandas e o espaço para que estas sejam encaminhadas é primordial para que as localidades sejam atendidas e consigam amparar e dar suporte a quem mais precisa: o cidadão.
“Agradeço a participação expressiva dos membros da diretoria, presidente de Cresems/PR, apoiadores e equipe Cosems/PR no nosso encontro. O amplo debate sobre os inúmeros temas abordados foi feito de forma consistente, argumentativa e com um olhar regional. O dia foi intenso, mas encerro muito satisfeito com todo grupo e o resultado do encontro”, cita Andrade.
De forma abrangente e democrática, cada gestor teve a oportunidade de interagir e debater sobres demandas, angustias e diagnósticos da sua região. Situações como a realização de consultas, exames e cirurgias eletivas que ficaram paralisadas—principalmente as que não utilizam insumos necessários para o tratamento da COVID-19, a alta taxa de ocupação dos leitos de UTI, o alerta para o contínuo trabalho de combate à dengue e a contaminação que tem ocorrido nos hospitais foram algumas das dificuldades compartilhadas de modo similar pelos gestores, assim como a necessidade de informações mais precisas sobre o desenvolvimento da vacina contra o COVID-19 e uma melhor logística para a distribuição de equipamentos de proteção individual (EPI), entre outros.
Andrade finaliza reafirmando o compromisso e o ideal do seu trabalho à frente do Comems/PR. 
“Somos gratos pela confiança que os gestores proporcionam ao Cosems/PR, espaço onde eles são acolhidos e encontram auxilio para suprimir suas dificuldades. Em nome da nossa Diretoria Executiva, reafirmamos o nosso ideal de trabalhar para dar prosseguimento e encontrar soluções para as demandas que nos foram apresentadas, nos colocando como interlocutores junto ao Estado”, conclui.